Páginas

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Ateu...

 A vida não tem graça.
 Não, não é um desabafo depressivo. Eu quero dizer que a vida não tem significado.

 Somos um amontoado de átomos "funcionando" e seremos um bando de átomos dispersos quando morrermos...

 A vida não é interessante. Por esse motivo que pessoas como o personagem interpretado por Hugh Laurie no seriado House...














...ou eu...











...somos assim, retóricos, filosóficos, criativos, piadistas...patéticos...

Patéticos por tentarmos adicionar algo à vida inútil do ser humano na terra que acreditamos ser a real (e esperamos que estejamos errados). É aqui que me acho tão parecido com o personagem de Hugh Laurie e eu demorei a perceber...achei que fosse o fato de ele ser a cara do meu pai e, como eu também sou a cara do meu pai...beijo, pai!

 Basicamente, somos ateus brincando de de deuses da nossa própria vida.



 Precisamos ser diferentes, talvez porque somos covardes e ser assim nos ajuda a achar que vale a pena viver...

Boa viagem...

Nenhum comentário:

Postar um comentário