Páginas

terça-feira, 21 de junho de 2011

Marcha da Liberdade e Movimento Zeitgeist

Foi-me pedido para fazer um registro escrito sobre a minha impressão da Marcha da Liberdade e da Marcha das Vagabundas deste Sábado, dia 18/06/2011 em Florianópolis, SC.

 Mas o que dizer? Que era por isso que eu esperei por doze anos?

 Explico.

 Foi por descobrir que ao menos uma pessoa não havia sido idiotizada pelo nosso sistema falido atual que esperei e vi, vi mais do que isso...
 Esse sistema, diga-se de passagem, está destinado ao colapso e junto levará toda nossa sociedade, se não mudarmos nossa atitude...

...ou melhor...

...se não tivermos atitude. Atitude de verdade!

 Digo isso, pois usar aquele tênis ou portar um “I-alguma-coisa” não são sinônimos de atitude. O que assisti Sábado foi atitude!
 Fomos para as ruas de uma cidade grande, uma cidade que já serve de leito para um sistema monetarista exploratório, uma cidade que sofre, uma população que chora...chorava...

 Nós fomos às ruas, enfrentamos policiais idiotizados, enfrentamos cidadãos idiotizados e acordamos alguns desses cidadãos.
 Não perdoamos emissoras de TV, surpreendemos policiais com movimentos que mais pareciam estratégia para um campo de batalha e alcançamos nosso objetivo apenas para mostrar, mais uma vez e tantas mais mostraremos que nós podemos, nós somos a voz do povo, nós somos deuses sobre a Terra e não os deuses que o sistema nos diz para adorar e obedecer.

 Vi duzentas pessoas que respeitavam umas as outras, que respeitavam o meio ambiente e os demais seres vivos que nele estão como irmãos, como partes de um mesmo grande ser vivo. Vi pessoas movidas pela vontade de quebrar as correntes feitas de dólares, euros, ameros...correntes tão frágeis que fomos treinados a não identificar. Mas identificamos.

 Em resumo, vivenciei a maior de todas as manifestações, a mais humana, a mais honesta e a mais entranhada, escondida dentro da alma de todos nós, vivenciei a manifestação da vontade de sermos livres, livres para vivermos para nós e não para o sistema e, livres para criarmos nosso próprio novo mundo sem se deixar abalar pelos homens por trás das cortinas, porque é do lado de cá que a vida acontece...

“...nós somos reais, seus bobões, não eles”.


Assista os vídeos da Marcha. Coloquei em links pra ser mais prático e poluir menos o Blog:


Primeiro vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=JPgfqk-0jpI
Segundo vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=tzZiTWb8kYY


Boa viagem!

Um comentário:

  1. Aff, sei lá o que deu na p**** da formatação...foda-se...(e o cara censura o "porra"...tá loko)...

    ResponderExcluir